Transforme conhecimento em resultado

A Gestão do Conhecimento é um método de organização e otimização de um dos recursos mais importantes e por muitas vezes esquecidos pelas empresas: o aprendizado interno. A metodologia atua como uma prevenção a problemas crônicos e invisíveis no cotidiano das empresas, tais como a perda de tempo com retrabalho, o desperdício de faturamento, materiais e oportunidades por falta de um suporte a dúvidas operacionais, entre tantos outros. Seu principal objetivo é transformar conhecimento em resultado.

O aumento nas vendas e receita não é a única forma de melhorar a situação econômica de um negócio. O gestor moderno deve observar também para uma melhor gestão dos recursos já existentes e que vão possibilitar um crescimento sustentável e independente dos “olhos físicos” do dono nesta evolução. Ao mesmo tempo novas lideranças vão surgindo internamente e poderão auxiliar os sócios nesta empreitada.

Para isto, a gestão do conhecimento ataca alguns pontos, nos quais cabe o destaque de quatro:

1) Dar liberdade ao gestor para ele sair da operação

É importante o gestor saber que para ele ver o seu negócio crescer, bem como ter outros negócios, um dia terá que sair da operação. Mesmo sendo de um perfil mais técnico, este é o caminho natural do empreendedor que quer crescer. Portanto, ele vai ter que saber delegar e apenas controlar por indicadores e, por exemplo, uma boa gestão do conhecimento o seu negócio.

Ao incentivar os colaboradores a alimentarem uma plataforma de gestão do conhecimento, gradativamente o gestor sairá da operação e não precisará mais estar envolvido em todas as pequenas questões que fazem parte do cotidiano da empresa.

2) Desperdício e Retrabalho

Outras grandes dores dos empresários são o desperdício e retrabalho. Cada minuto empenhado para se fazer algo que já se havia dado como pronto machuca a pessoa do gestor bem como o caixa da empresa. Cada negócio possui uma realidade quanto ao que perde em retrabalho e desperdício, muito ocasionado por desatenção em algum ponto do processo e a falta de um suporte simples no decorrer da operação. A gestão do conhecimento atinge em cheio essa demanda, servindo como um suporte tecnológico preventivo quando existir alguma dúvida sobre que ação o colaborador deverá tomar em determinado caso.

3) Suporte na tomada de decisões estratégicas

A Gestão do Conhecimento serve, e muito, também para os próprios gestores na tomada de decisões estratégicas, não limitando-se a combater dores dos colaboradores. Uma vez que todas as informações dos colaboradores e até sugestões de melhoria estão centradas numa mesma plataforma, fica mais fácil e assertivo para o gestor tomar decisões estratégicas acerca do negócio no seu presente e futuro.

4) Rotatividade

Tendo todas as informações centralizadas e dadas por todos os colaboradores, fica muito mais simples realizar um processo de treinamento de novas pessoas na equipe. Este problema que envolvia um tempo gigante para a adaptação, entendimento de novos processos, entre tantos outros fatores, pode ser diminuído drasticamente com uma boa gestão do conhecimento. Isso revelará uma economia bastante acentuada de tempo e melhor produtividade, dando mais resultado para a empresa, consequentemente.

Conclusão

Por fim, conclui-se que a gestão do conhecimento gera uma melhoria econômica na empresa sem grandes investimentos e utilizando os recursos já existentes, porém dispersos dentro do negócio. O que ela exige é um comprometimento do gestor em fazer a equipe entender a importância desta melhoria econômica e manter o processo até conseguir ter um negócio auto-gerenciável.

 

3 respostas

Trackbacks & Pingbacks

  1. […] A GC impacta a corporação como um todo. Todas os colaboradores possuem conhecimento útil para compartilhar e também podem aprender com as experiências dos seus colegas. Ou seja, todos se beneficiam quando uma cultura de GC é implantada em uma corporação. […]

  2. […] quando o seu cliente faz perguntas muito triviais para a sua equipe? E quando a rotatividade atinge ele também? O novo colaborador dele que está foi colocado em […]

  3. […] Todas as empresas querem inovar. Inovar para se diferenciar no mercado de seus concorrentes, reter clientes e promover um negócio que seja sustentável com o passar do tempo. […]

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *